Tipos de açúcar: adoçante, sacarose e frutose

Existem certas diferenças no que se refere ao açúcar em si (e seus diferentes tipos), a frutose, a sacarose e o adoçante.

Se entende por adoçante tudo aquilo que for do grupo de substâncias que, como nexo comum, dão uma sensação de doçura a nosso paladar.

Como você pode chegar a supor, isto inclui a grande quantidade de compostos, entre os que encontramos o açúcar sacarose, os adoçantes intensivos (como a adoçante ou o aspartame), ou o açúcar frutose.

À pergunta de que açúcar em si -ou substância doce- viria a ser a mais recomendável, é preciso levar em conta que a ingestão de açúcares deve ser limitada, e especialmente naquelas pessoas diabéticas.

Sempre é mais recomendável, por exemplo, o açúcar de cana integral que o açúcar branco refinado, já que contém mais vitaminas e minerais e, portanto, é mais saudável.

Da mesma forma que o açúcar de cana integral, a frutose é igualmente recomendável, já que adoça mais que a sacarose e, no entanto, se absorve muito mais lentamente.

Não obstante, os adoçantes são recomendados a pessoas diabéticas, e também a pessoas que se encontrem seguindo dietas de controle de peso.

Leia também os artigos Relacionados

  • Frutose: benefícios, efeitos na saúde e valores nutricionais
  • Açúcar mascavo e açúcar branco: qual engorda mais?
  • O QUE É A FRUTOSE
  • Diferença entra açucar branco e açucar mascavo
  • Beneficios da maçã
  • Deixe o seu Comentário